domingo, 18 de dezembro de 2016

Customizando um Diorama

Olá pessoal! Hoje vou fazer um post sobre como customizei meu primeiro diorama. ( ͡ᵔ ͜ʖ ͡ᵔ )

Este projeto foi feito em conjunto com os ouvintes do Jogabilidade através de um grupo no Telegram para presentear um dos membros do site, o Rick. A ideia do diorama foi decidida em conjunto, mas o tema foi obra do Vinícius Nakamura. (◕3◕)

Vamos ao projeto!

Primeiramente, o Nakamura decidiu que faria uma cena do jogo The Last of Us. Contexto: o Rick tem uma cadelinha muito fofa chamada Ellie e ela ganhou este nome por causa da Ellie do The Last of Us. Duh! (≧◡≦) Dessa forma, ele decidiu que faria uma cena em que o Joel (protagonista) empurra a Ellie numa tábua para atravessar a água.


The Last of Us
A modelagem 3D da idéia dele ficou assim:






O Nakamura tem acesso a uma impressoa 3D no trabalho dele, então ele imprimiu o projeto. Saiu assim:


Depois ele construiu a base e finalizou o acabamento:





Ele fez os ajustes finais e finalmente enviou as peças para mim. A peça foi enviada já com acabamento na base e nos bonecos.



Porém quando eu fui personalizar com tinta eu me dei conta de que apenas pintar não ficaria tão legal. Bem, na verdade, a ideia inicial era imprimir numa folha o cenário e colar numa placa de isopor prensado e pintar normalmente todo o projeto com tinta. Mas eu queria fazer algo mais bonito e que ficasse mais interessante visualmente, então comecei a estudar dioramas.

Eu pesquisei muitos materiais e vi muitos tutorais. Foi difícil decidir quais materiais eu usaria e principalmente aprender a usar coisas que nunca havia usado. Inicialmente eu estava decidida a fazer a água com uma simples folha de acetato mas depois que eu descobri resinas eu não quis usar outra coisa.

Além disso, eu queria dar mais vida ao rosto dos personagens. e apenas com tinta isso não seria possível pois eu queria adicionar relevo. Eu precisava, também, aplicar efeitos nos cabelos do personagem e nos pêlos da cachorrinha.

Então depois de muito pesquisar, depois de sair de casa e quebrar a cara algumas vezes em lojas, eu decidi finalmente os materiais que usaria.

Comecei com a argila.

Teste com argila

Porém devido à minha inexperiência, eu nao sabia que a argila comum (escolar) poderia ser tão dificil de lidar. Eu achei que poderia fazer tudo com ela porque não precisa assar como outras massas, mas ela se demonstrou muito rústica e farelenta. Então eu usei a argila apenas para o muro.

Passei argila no muro todo
Apesar de ter comprado material para escultura, eu usei ferramenta de manicure

Fazendo os tijolos

A argila vai secando com o tempo, mas é só umedecer para continuar



Eu construí cuidadosamente cada tijolo! No final, é preciso misturar água e cola e passar em toda a área da argila. Eu descobri isso depois (e a tempo, ainda bem) pois eu estava muito insegura quanto à resistência desse material e resolvi pesquisar mais. A cola ajuda a argila a ficar com um aspecto mais brilhante (como eu disse, ela é muito rústica) e ela dá um tipo de "selamento" também, evitando que saiam cascas e farelo.

Depois de ter feito o muro, eu parti pro Durepox. Mas é importante dizer que eu não queria usar essa massa, eu queria usar alguma massa que fosse própria para essa finalidade mas descobri que todas elas precisam assar no forno. No final das contas, o Durepox não foi tão difícil quanto imaginei que fosse. Basta ter muita paciência.




Essa parte eu relutei muito pra fazer, pois significava alterar os bonecos que foram enviados pra mim com massa super-dura. Mas eu respirei fundo e pensei, "Esse é o único jeito de alcançar o resultado que eu quero". Eu queria criar mais expressão nos personagens, então eu refiz o rosto deles por cima da modelagem 3D.

No caso específico da cadelinha foi ainda mais difícil pois eu mudei o focinho dela um pouco. Eu não tinha a intenção inicialmente mas quando eu risquei os olhos dela com estilete, eu percebi que não estava conseguindo alinhar eles com o focinho. Ficava sempre muito estranho então me veio uma luz e eu pensei: "Preciso LEVANTAR o focinho dela um pouco!". E assim eu fiz. Ao refazer o focinho dela mais empinado, o rostinho dela ficou mais equilibrado com os olhos. Feito tudo isso, passei a massa no corpo dela inteiro e me deparei com outros desafios.

No final das contas, eu queria revestir a cadelinha com massa para poder criar o pêlo, mas acabei aumentando a cauda, as patas e a mochila também!





Já o Rick o problema estava relacionado com o espaço para criar a boca dele.

Esse espaço... Quase não existia! Eu entrei em desespero. Como iria desenhar uma expressão nele?

Então decidi que passaria a massa durepox no rosto inteiro dele, seguindo cuidadosamente o modelo 3D, mas quando chegasse na boca, eu iria alterar o contorno da barba para que tivesse mais espaço pra boca. Dessa forma eu fiz uma modelagem em que ele estivesse meio que sorrindo de lado. Aproveitei e aumentei tanto as bochechas quanto as sobrancelhas.

Então, cobri o restante da cabeça e passei o estilete para fazer o cabelo. O mesmo foi feito na barba.

Depois de ter criado tantos detalhes na cadelinha, eu senti que precisava, pelo menos, criar uma mochila maior pro Rick. Então eu fiz os bolsinhos e os botões.

 



 Agora era hora de pintar! A parte mais divertida e mais desesperadora também.


 





Bem, chegou o grande momento... o momento de construir o cenário.

Até esse ponto, eu já havia decidido o que usar pra fazer a água: Verniz brilhante. Eu gostaria mesmo de usar a resina, mas além de muito cara, ela é tóxica (ou seja, tem que ter máscara especial para usar).

A primeira coisa a fazer era a parede. Eu comecei com argila pois eu sabia que a argila daria um bom efeito para uma parede rústica. Eu estava determinada a fazer a parede de argila então fui até o final com a ideia.






Porém eu odiei o resultado. A foto acima está sem o acabamento (que eu demorei horas pra fazer) nas bordas, mas dá pra ter uma ideia do resultado. Pior que isso, eu fiz 2 muros achando que daria certo pra final jogar fora!

Mas eu já sabia o que faria para o muro antes de jogar o muro de argila fora. Faria tudo com estilete, isopor, tinta e grama artificial.

Comecei cortando o isopor no sentido que eu queria o muro. Eu até ia fazer tijolos mas depois me dei conta de que já haviam tijolos na mureta (a de argila) então resolvi fazer essa "madeira". Depois risquei os defeitos dela, para dar a impressão de muro destruído.


Depois eu apliquei a grama artificial misturada com tinta acrílica verde e tinta marrom + cola. Depois eu imprimi um poster dos The Fireflies e colei (eu queria ter colocado mais coisas nesse muro mas estava sem idéias).



A etapa final eu esqueci de fotografar o processo. Mas basicamente eu revesti a base do diorama com durepox para que eu pudesse derramar o verniz da água.

Feito isso, eu colei os bonecos na base, pintei o fundo de verde e adicionei as sujeiras (que são basicamente grama sintética de maquete mesmo).

Ah! É importante dizer que eu utilizei muito uma esponja de lavar louça para criar sujeiras também.

A última coisa que foi adicionada foi a água.

Resultado!





Para a entrega deste projeto foi gravado um vídeo! Recomendo muito assistir pois dá pra ver bem detalhadamente com uma qualidade bem melhor!



É isso! (✿◠‿◠) 

5 comentários:

  1. Que trabalho incrível! Parabéns pelo esforço e pelo seu talento. Foi um linda homenagem pra esse Homão que tanto amamos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!! Adorei fazer!! (✿◠‿◠)´*~**~´

      Excluir
  2. Nossa ficou demais! Cria um Behance com seus trabalhos!!!

    ResponderExcluir
  3. (repostando pq esqueci de marcar a notificação)
    Estou de boca aberta, ficou realmente sensacional. Eu trabalho com biscuit, não sei se conhece, achei que tinham sido feitos com plastilina ou algo assim. Adorei o trabalho com o diorama pois é algo que eu penso em trabalhar no futuro (hoje ainda só faço bonecos e chaveiros, fiz UM meio diorama beeem básico até hoje). Muito bacana a variedade de técnicas e materiais, adorei sua descrição das etapas também.
    Você costuma fazer bastante desses trabalhos? Tem uma página no face ou instagram pra ficar mais fácil acompanhar?
    p.s.: se o seu nome foi mesmo kaliandra, achei curioso pois me chamo calyane 8D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!! Obrigada pelo apoio ヽ( ★ω★)ノ

      Eu me aventurei com o biscuit uma vez porém foi pra fazer algo muito simplesinho (bonequinho de cabeça redonda) para dar de presente.

      Não usei plastilina nem biscuit porque fiquei com receio da massa não me permitir adicionar tantos detalhes! Talvez eu estivesse errada quanto a isso, mas fui numa loja de materiais para escultura e me disseram que eu teria que usar Durepox mesmo, porque os bonecos eram de plástico e não poderiam ir pro forno.

      Dioramas são muito divertidos. Quanto mais eu procurava sobre o assunto, mais eu empolgava. ⌒°(ᴖ◡ᴖ)° Mas por falta de tempo e também inexperiência, eu optei por manter ele mais "simples".

      Eu estou com outro diorama em meus planos atualmente, dessa vez do Sonic! ヽ(゜ω゜○)ノ

      Por enquanto não tenho página no facebook mas terei em breve, quando tiver mais coisas pra postar!! Planos para 2017 hehe.

      Meu nome é Kaliandra sim! Prazer Calyane ~~ (*≧▽≦)

      Excluir